34 EMPRESAS DE TECNOLOGIA ASSINAM ACORDO DE SEGURANÇA CIBERNÉTICA

Foi assinado esta semana, durante a RSA Conference em San Francisco (EUA), o chamado Acordo Tecnológico de Segurança Cibernética. O tratado foi composto por 34 empresas de tecnologias com atuação a nível global e pretende garantir a segurança contra crimes online no mundo inteiro.

Um dos princípios do acordo é proteger o usuário de invasões, seja ele um indivíduo, uma empresa ou até mesmo o governo. Brad Smith, presidente e Chief Legal Office da Microsoft, uma das empresas parceiras, afirma que a convenção visa preservar todas as vítimas inocentes de crimes que acontecem comumente na rede. “Protegeremos contra adulteração e exploração de produtos e serviços de tecnologia durante seu desenvolvimento, projeto, distribuição e uso. Não ajudaremos os governos a lançar ataques contra cidadãos e empresas inocentes”, comenta.

Além de se manifestar contra os ataques cibernéticos, as empresas firmaram parceria com outras organizações do gênero a fim de garantir que os termos estabelecidos serão cumpridos por todos os envolvidos. “Trabalharemos uns com os outros para estabelecer parcerias […] para melhorar a colaboração técnica, divulgação de vulnerabilidade e compartilhamento de ameaças, bem como minimizar os níveis de códigos maliciosos introduzidos no ciberespaço”, finaliza Smith. 

Além da Microsoft, também assinaram o tratado as empresas ABB, Arm, Avast, Bitdefender, BT, CA Technologies, Cisco, Cloudflare, DataStax, Dell, DocuSign, Facebook, Fastly, FireEye, F-Secure, GitHub, Guardtime, HPE, HP Inc., Intti, Juniper, LinkedIn, Nielsen, Nokia, Oracle, RSA, SAP, Stripe, Symantec, Telefonica, Tenable, Trend Micro e VMware. 

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *