Uma avaliação do Bank of America indicou que Brasil será uma das “histórias felizes de crescimento acelerado” em 2019. De acordo com o Banco, o Brasil crescerá 3,5% e o Fundo Monetário Internacional (FMI), por exemplo, vê a alta do PIB em 2,4% no ano que vem.

Segundo Aditya Bhave, economista global sênior do Bank of America, o País irá se destacar em meio de outras nações que terão crescimento modesto. “Vemos um crescimento mais acelerado no Brasil. O crescimento também vai ser apoiado pela agenda pró-mercado da Administração [do presidente eleito, Jair] Bolsonaro, que deve impulsionar a confiança e o investimento”, comenta.

“Toda vez que você tem um governo populista assumindo o poder, há muita incerteza sobre quais políticas serão implementadas. Mas uma das razoes pelas quais estamos otimistas é que o Brasil vem de anos fracos, de uma recessão. Em 2018 não foi bem, pelas incertezas eleitorais e a paralisação de caminhoneiros. Há espaço para que o Brasil cresça mais rápido. Há razões, de uma perspectiva cíclica, para ser mais otimista”, indica.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu