CÂMARA E BC DISCUTEM INDEPENDÊNCIA DO BANCO

Os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, se reuniram com os líderes de todos os partidos para discutir sobre a independência do banco ainda em 2018. De acordo com informações divulgadas pelo portal da Folha de São Paulo, houve pleno consenso entre os deputados que participaram da reunião.

Segundo o ex-ministro e deputado Mendonça Filho (DEM-PE), o Brasil está atrasado nessa questão, quando comparado com outros países. “Segundo sua explanação, dos 50 países mais desenvolvidos o Brasil é um dos poucos, senão o único, em que não há essa independência”, afirma.

O texto diz que presidentes e diretores do BC teriam mandato de quatro anos, não coincidentes com o do presidente da República. Atualmente, o presidente do BC e os diretores do banco podem ser exonerados pelo presidente da República a qualquer momento.

O relator do projeto de autonomia do BC é o deputado Celso Maldaner (MDB-SC). Existe uma grande possibilidade de Ilan permanecer no posto no governo Bolsonaro, que defendeu a independência do BC durante a campanha.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *