MAGISTRADOS ENVOLVIDOS NA AMEAÇA DE SOLTURA DE LULA SÃO INTIMADOS 

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) informou, na quinta-feira (19.06), que os juízes Rogério Favreto, João Pedro Gebran Neto e Sergio Moro, envolvidos no caso da ameaça soltura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, terão que se apresentar à Corregedoria Nacional de Justiça para prestar esclarecimentos. A intimação partiu do corregedor, ministro João Otávio de Noronha. 

Na ocasião, o juiz Favreto fez uso de seu plantão judiciário no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) para conceder a soltura do ex-presidente, a pedido de parlamentares do PT. No entanto, Gebrar e Sergio Moro, que estava de férias no dia, concederam dois despachos para que a Polícia Federal não cumprisse a ordem do plantonista.  

Na semana passada, Noronha já havia decretado a abertura de uma apuração preliminar sobre o caso após receber oito representações contra Favreto e duas contra Moro, estas que serão avaliadas em conjunto. Na sequência, um Procedimento Administrativo Disciplinar contra eles deve ser aberto na corregedoria. 

 (Equipe do site)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *