Na Operação “Mãos Limpas” da Itália, o Lula deles também criticou a Justiça

 

“O processo violou todos os direitos de defesa”. O autor da frase foi Betino Craxi, ex-primeiro-ministro italiano de 1983 a 1987 e ex-presidente do Partido Socialista (que posteriormente desapareceu). Em 1994, Craxi foi condenado a oito anos e meio de prisão na Operação Mãos Limpas, que dissecou a corrupção política na Itália. Ele já havia fugido para a Tunísia para não ser preso e morreu no exílio quase uma década depois.

“Não protesto contra a injustiça da sentença porque justiça não tem nada a ver com isso”, disse Craxi através de seu escritório em Roma.

Craxi havia sido condenado em um processo por receber US$ 7 milhões de propina do Banco Ambrosiano.

A Lava Jato no Brasil repete a história da Mãos Limpas da Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X

Pin It on Pinterest

X
Assine nossa Newsletter