O BRASIL É UM DOS PAÍSES MENOS COMPETITIVOS DO MUNDO

Um estudo publicado pela escola de negócios suíça IMDB em parceria com a Fundação Dom Cabral, que faz parte do Anuário de Competitividade Mundial, aponta que o Brasil está entre os quatro países menos competitivos do mundo. O País subiu uma posição em relação há última edição, neste ano foram avaliadas 63 nações. 

O ranking colocou o Brasil na 60º posição, na frente de Croácia, (59ª), Mongólia (62ª) e Venezuela (63ª). Para a avaliação, a falta de competência do governo é o fator mais crítico e fez o país cair 20 posições desde 2001. Os fatores de avaliação são pontos como finanças públicas, política fiscal, estrutura institucional, legislação de negócios e estrutura social, nesses pontos o país ficou na frente apenas da Venezuela. 

O estudo também apontou a falta de continuidade e integração de diferentes iniciativas, denúncias de corrupção e manobras judiciais como a principal barreira que impede o crescimento econômico do País.  Os indicadores de eficiência nos gastos públicos também preocuparam, sendo classificados no próprio relatório como “o ruim que pode ficar ainda pior” e representam a queda de 15 posições no próprio quesito em um ano. 

As recentes instabilidades no governo nacional, aliada ao fator do ano eleitoral não colabora para um crescimento significativo no ranking. Para Carlos Arruda, coordenador do Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da FDC, a recuperação só será possível através de reformas e de um ambiente político instável.   

“Olhando para o relatório, vejo um país atrasado do ponto de vista institucional, defasado para a realidade dele. Se compararmos com China, Indonésia e Portugal, onde fizeram reformas e avanços significativos no sistema tributário, com criação de negócios e lei de regulamentação, entendemos o motivo do desempenho estar tão ruim”, finaliza. 

(Equipe do Site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *