RS FOI O ESTADO QUE MAIS REGISTROU CORTES DE BENEFÍCIOS   

 

O Rio Grande do Sul foi o estado brasileiro que registrou o maior percentual de corte de benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) depois do pente fino realizado pela instituição. De acordo com informações divulgadas pelo ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, o percentual gaúcho de cancelamento de auxílio-doença foi de 82% e de aposentadoria por invalidez de 32%. 

Enquanto isso, o índice de cancelamentos de auxílio-doença no país fechou em 75% e o número de aposentadorias por invalidez canceladas chegou a 30%, com o RS ultrapassando ambos. Segundo o ministro, o corte dos benefícios já gerou uma economia de R$ 10,3 bilhões. 

Como exemplo de benefício cancelado, Beltrame citou o caso de “um segurado que sofreu um acidente de carro e precisou andar em cadeira de rodas por seis meses, mas obteve aposentadoria por invalidez por decisão judicial por ser paraplégico há 10 anos. A perícia atestou que ele caminha normalmente”. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *