TARIFAS DOS PORTOS DIFICULTAM EXPORTAÇÕES, DIZ CNI

Um estudo realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) afirmou que as tarifas dos portos são o principal problema dos exportadores. Nesse cenário, exatamente 589 representantes de algumas empresas exportadoras foram ouvidos para a realização dessa pesquisa, sendo que a maioria atua há mais de dez anos no ramo.

De acordo com Constanza Biasutti, gerente de política comercial da CNI, a maior parte dos problemas relatados são recorrentes, como logística e infraestrutura. No entanto, a economia do País é um ponto crucial para a recuperação do setor. “Taxa de câmbio é um assunto ao qual as empresas brasileiras são muito sensíveis, mas no contexto atual não é um entrave como tem sido em outros momentos da economia do país”, afirma ela.

Na lista de lamentações aparece a alta cobrança de taxas por órgãos anuentes, como Ministério da Agricultura e Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), com ênfase na Receita Federal. No entanto, as tarifas de portos e aeroportos são consideradas muito impactantes por 51,8% das empresas.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *