As interfaces de programação de aplicativos (APIs, em sua sigla em inglês) facilitam a promoção de novos modelos de negócios, alavancando os existentes e também criando novos, a medida em que a tecnologia é implantada. De acordo com Dárcio Takara, que é consultor Sênior de Pré-Vendas da SEC4YOU, elas interligam informações de um sistema a um aplicativo.

“Além de permitir que as informações fiquem acessíveis aos usuários por meio de interfaces amigáveis e disponíveis em seus mobiles, as APIs permitem que plataformas distintas – de empresas diferentes, por exemplo – conectem-se e troquem informações entre si. Dessa forma, uma empresa pode disponibilizar sua API para que uma outra acesse os dados e ofereça um serviço complementar e benéfico ao cliente final / usuário”, completa ele em um artigo publicado no portal itforum365.com.br.

Além disso, é possível, por exemplo, um banco disponibilizar informações financeiras e conectá-las a uma API de geolocalização desenvolvida por uma Startup “para certificar-se que uma transação está sendo solicitada em uma região comum ao usuário solicitante e, dessa forma, até evitar uma possível fraude”, indica.

“Todos esses benefícios e funcionalidades colaboram com o crescimento dos negócios e com o surgimento de novos modelos de negócio! Além disso, o número de usuários que preferem usar aplicativos em seus celulares do que ir a um espaço físico para solucionar ou comprar algo vem aumentando”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu