Dados divulgados pelo Banco Centra (BC) na quarta-feira (25.04) indicam que os brasileiros gastaram 10,23% a mais em compras no exterior nesse primeiro trimestre de 2018 em comparação com o mesmo período do ano passado. Enquanto esses gastos somaram US$ 4,93 bilhões nos três primeiros meses de 2017, agora eles chegaram a US$ 4,93 bilhões. 

Se por um lado a retomada econômica estimula o aumento das viagens ao exterior, a alta no dólar, que já subiu 5,2% em abril, acaba as tornando mais caras. Considerando apenas o mês de março, os custos chegaram aos US$ 1,52 bilhão, valor semelhante ao mesmo período do ano passado, com US$ 1,53 bilhão. 

Já os gastos de estrangeiros com viagens ao Brasil foram de US$ 1,93 bilhão no primeiro trimestre, o que fez com que o saldo em viagens ficasse negativo, chegando a um déficit de US$ 2,99 bilhões nesses três primeiros meses. Enquanto em março de 2017 os estrangeiros tinham gasto R$ 650 milhões no Brasil, no mesmo mês desse ano foram apenas R$ 544 milhões. 

A transação corrente, que inclui além dos dados das viagens internacionais, também transportes, aluguel de equipamentos, seguros, entre outros, foi superavitário em US$ 798 milhões, número inferior ao registrado em março de 2017, com US$ 1,4 bilhão.  

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu