O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), afirmou, nesta terça-feira (13.12), que existe uma brecha para que a reforma da Previdência seja votada ainda neste ano de 2018. De acordo com ele, o presidente Michel Temer poderia suspender a intervenção federal no Rio de Janeiro, liberando o Congresso Nacional para analisar a reforma.

“Da nossa parte, não há nenhuma indisposição, nenhum interesse de atrapalhar o governo. Pelo contrário, atrapalhar o governo, é atrapalhar o Brasil e nós queremos que o Brasil avance”, comenta.

Isso porque uma proposta que altere a Constituição Federal não pode ser analisada pelos parlamentares enquanto uma intervenção estiver em vigor. No entanto, ele se mostrou resistente quanto a proposta que foi enviada pelo governo de Michel Temer, dizendo que esta precisava de tempo para ser analisada.

Nesse cenário, ele falou positivamente sobre as medidas de Paulo Guedes. “Eu fiz questão de pedir aos ministros que, queria ouvir da boca do próprio ministro Paulo Guedes que ele tinha aquiescência de que essas medidas poderiam ser encaminhadas ao Congresso”, conclui.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu