O senador do Rio Grande do Sul anunciou ontem a troca de partido. Está saindo do PSD de Gilberto Kassab para o PODEMOS de Álvaro Dias. Alegou razões de “foro íntimo” e disse que a nova legenda tem “alinhamento com suas propostas e bandeiras”.

Sinceramente? Não sendo um dinossauro de esquerda, o partido importa pouco. O que importa é que Lasier Martins foi um gigante nas 48 horas que definiram a enorme e acachapante derrota de Renan Calheiros para a presidência do Senado.

Desde o início ele enfrentou o coronel das capitanias hereditárias de Alagoas e foi ao STF para garantir o voto aberto. Depois, com a negativa do Supremo, puxou a lista de senadores que mostraram a cédula com o voto em Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Agora, na metade do mandato, o senador gaúcho atinge o reconhecimento de todos os brasileiros que querem um país mais limpo. Depois do último sábado, tornou-se mais do que nunca um nome de destaque nacional na política do país.

(foto: Sérgio Lima)

Este post tem 2 comentários

  1. Caríssimo Diego Casagrande,
    HOJE, 06/02/2019, a pouco mais das 8:00 no site “O ANTAGONISTA” foi publicada uma NOTÍCIA INCORRETA a respeito de um DECRETO PRESIDENCIAL DE EXONERAÇÃO quando TROCOU NOME DO MINISTRO DE TURISMO “MARCELO ÁLVARO ANTONIO” com base numa denúncia da FOLHA DE S.PAULO na qual o mesmo havia se utilizado de LARANJAS durante a campanha para se apoderar de cotas femininas do fundo eleitoral. NO DECRETO CONSTA OUTRO NOME (OUTRO “MARCELO”). OU ERROU O ANTAGONISTA OU ERROU O DECRETO OU EU AINDA NÃO ACORDEI DIREITO! Averigue para nós, por favor!

  2. Logo após a derrota do Renan parabenizei o Senador Lasier martins, na pagina dele no facebook, pela excelente atuação,

Deixe uma resposta

Fechar Menu