Um levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), indicou que o medo do desemprego diminuiu entre os brasileiros, enquanto no nível de “satisfação com a vida” aumentou. De acordo com o gerente-executivo de Pesquisas da CNI, Renato da Fonseca, o chamado índice de medo do desemprego caiu 65,7 pontos, em setembro de 2018, para 55 pontos no último mês.

Segundo o gerente-executivo, ouviu 2 mil pessoas em 127 municípios entre 29 de novembro e 2 de dezembro do ano passado. “O otimismo aumentou, mas não podemos esquecer que a retomada da economia se mostra muito lenta e o desemprego continua elevado”, afirma.

Ainda de acordo com os dados levantados pela pesquisa, foi possível perceber o índice de medo do desemprego recuou em todos os estados do País. Nesse cenário, a maior queda foi registrada na Região Sul, onde o indicador caiu 16,9 pontos e passou de 62,7 pontos em setembro para 45,8 pontos em dezembro.

No caso da “satisfação com a vida” a Região Sul também lidera, com o indicador subindo 3,6 pontos e passou de 66,2 pontos em setembro para 69,8 pontos em dezembro. Sendo que, Nordeste, local que menos subiu, a alta foi de 3 pontos e o indicador alcançou 69 pontos.

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu