Um levantamento realizado pela Tray mostrou que 29,34% da navegação total das lojas no ano de 2017 foram feitas através do smartphone. Para 2018, a expectativa é que o crescimento no tráfego de lojas pelo mobile cresça ainda mais, chegando a 40%. 

Apesar de muitos consumidores se sentirem inseguros quanto à credibilidade das lojas e interface do sistema, o número vem aumentando a cada ano. De acordo com Willians Marques, diretor-geral da Tray, esse aumento se deve a facilidade que os brasileiros estão tendo no acesso à internet e aos próprios smartphones. 

“Existe hoje uma série de motivos que está facilitando o crescimento do m-commerce, como o aumento de smartphones no Brasil e a facilidade de acesso à internet por meio desses aparelhos. Além disso, cada vez mais os e-commerces têm investido em interfaces mais amigáveis e transações mais seguras, tudo pensando na experiência do consumidor”, explica. 

Uma das empresas que sentiu esse ganho foi a loja de produtos feminino Modelado, que é voltada para o público feminino. Segundo o seu fundador, Edgard Rios, as vendas por meio do celular representaram 90% de todas as transações do ano, uma vez que as campanhas publicitárias da empresa são feitas todas pela internet, atraindo esse público específico. 

A Google tem sido uma das principais responsáveis por esses dados, a empresa está dando preferência para as companhias que trabalham com e-commerce em seus resultados de busca. Nesse cenário, as lojas se preocupam ainda mais com visibilidade e avaliação na internet a fim de atingir o público brasileiro, que está cada vez mais conectado.  

(Equipe do site)

Deixe uma resposta

Fechar Menu